Com apenas oito meses de vida, Livian Aragão fazia sua estreia na telona, no longa-metragem “O Trapalhão e a Luz Azul”. Não poderia ser diferente: filha de Renato Aragão, já nasceu trazendo no sangue a paixão pela dramaturgia. E foi ao lado de seu pai que atuou pela primeira vez.

De lá para cá, trabalhou em diversos outros longas, ao lado de grandes nomes da TV e cinema, como Adriana Esteves e Rodrigo Santoro. Entre os filmes que fez, estão o “Cupido Trapalhão” (2003), “Didi quer ser Criança” (2005) e “Didi, o Caçador de Tesouros” (2005). Além disso, dividiu com o pai a responsabilidade de protagonizar “O Cavaleiro Didi e a Princesa Lili” (2006) e “O Guerreiro e a Ninja Lili” (2008).

Mas a carreira de Livian Aragão não se resume apenas ao cinema. Na televisão, estreou em sua primeira novela global em 2013, quando foi convidada pelo diretor Jayme Monjardim para interpretar Marizé em “Flor do Caribe”. Ainda na telinha, fez parte dos elencos do telefilme “O Segredo da Princesa Lili” (2007) e da minissérie “Acampamento de Férias” (2009).

No teatro, a atriz estreou em 2004, quando tinha apenas cinco anos, com o espetáculo “Bem-me-quer, Mal-me-quer”. No final de 2014, voltou aos palcos para encenar o musical “Os Saltimbancos Trapalhões”, ainda em cartaz, e grande sucesso de público.

A paixão de Livian pela dramaturgia é tão grande que, quando não está atuando, ela está estudando. Em seu currículo, estão cursos na escola de atores Stagedoor Manor, nos Estados Unidos, e em uma das mais renomadas escolas de interpretações do mundo, a New York Film Academy. A jovem também cursa dança, canto e teatro na Escola Britânica.

Além da dramaturgia, Livian também se dedica à produção de vídeo-clipes e webseries. Seu canal no Youtube (Lívian Aragão) possui mais de 500 mil visualizações e suas redes sociais contam com mais de 200 mil fãs.

© Todos os direitos reservados. Design by C A M P O.